A comissão está trabalhando para fechar a suas conclusões; então nesse momento eles estão recolhidos,nós não temos ainda nenhuma definição de fato, nem podemos fazer qualquer tipo de afirmação
disse Tenente Coronel Luziel Andrade, sobre policias presos acusados de mortes em Santo Antonio 0



Últimos Comentários



Enquete


Blog

Imagens mostram briga que matou estudante na saída de escola em MS

A morte da estudante Luana Vieira Gregório, 15 anos, esfaqueada após uma briga, perto da escola onde estudava,  na Vila Bordon, na quarta-feira (11), emCampo Grande, é investigada pela Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude (Deaij). A informação é da delegada Rozeman Rodrigues. Outra adolescente, amiga de Luana, também ficou ferida depois de uma briga generalizada no local.

A Escola Estadual José Ferreira Barbosa suspendeu as aulas nesta quinta-feira (12) por conta da morte. Alunos e colegas de Luana foram até o local e se vestiram de preto como protesto à morte da estudante.

A briga filmada por alunos mostra a confusão envolvendo vários estudantes e o momento em que uma das vítimas é esfaqueada. No dia da confusão, a escola confirmou ao G1 que a suspeita da agressão é aluna do local e estudava na mesma sala que a vítima.

Luana está sendo velada em uma capela na rua 13 de maio e deve ser enterrada às 14h (de MS) no Cemitério Jardim das Palmeiras. No velório, familiares e amigos da adolescente também afirmaram que a suspeita de agressão estudava na mesma sala que a vítima e disseram ainda que a faca usada no crime teria sido levada até o colégio por outra pessoa.

Confusão
Segundo a Polícia Militar (PM), a suspeita, de 16 anos, teria começado a briga alegando que a vítima estava com um perfume que causava alergia a ela. As aulas do período matutino terminaram às 11h20 e, dez minutos depois, as adolescentes começaram a brigar na rua do colégio, conforme a PM.

Outros jovens, alguns estudantes da escola, também se envolveram na confusão, totalizando cerca de 20 pessoas. Funcionários e moradores da rua tentaram dar fim à briga, que só acabou com as garotas feridas.

O Corpo de Bombeiros foi até o local, mas a adolescente já tinha sido levada por familiares para uma Unidade de Pronto Atendimento. Em seguida, ela foi transferida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para a Santa Casa de Campo Grande.

Segundo a assessoria de imprensa do hospital, as facadas atingiram o fígado da adolescente. Ela foi encaminhada para o centro cirúrgico e morreu na tarde de quarta-feira. A outra ferida, atingida na perna, recebeu atendimento em uma Unidade de Pronto Atendimento.

Fonte:G1




Colunistas


Classificados