Preserve sua vida!Eliminar os criadouros da dengue é uma ótima saída! Melhor passar um dia limpando o quintal do que passar um dia no hospital
Campanha do Blog do Valente contra proliferação do mosquito transmissor da dengue, chicungunha e zika 0



Últimos Comentários



Enquete


Blog

Política

0 11:46 - 28 de Jun // Léo Valente | Política

 

Por Ricardo Noblat

Na sexta-feira à noite, quando se reuniu com alguns ministros no Palácio da Alvorada para avaliar por antecipação o que a VEJA publicaria em sua mais recente edição, a presidente Dilma Rousseff perguntou diretamente a Aloizio Mercadante, ministro-chefe da Casa Civil, e a Edinho Silva, da Comunicação Social:

- Vocês têm alguma coisa a contar sobre a arrecadação de recursos para as minhas duas campanhas?

Edinho, que foi tesoureiro da campanha do ano passado, respondeu que não. Nada de novo havia para ser contado. E reafirmou sua inocência.

Mercadante, que recebeu dinheiro de Ricardo Pessoa, dono da UTC e da Constran, para sua campanha de 2010 ao governo de São Paulo, disse que estava tudo certo com a sua prestação de contas.

No sábado, pela manhã, Dilma voltou ao assunto e os dois ministros repetiram o que haviam dito.

0 14:33 - 26 de Jun // Djalma Macedo | Política

 Em entrevista ao jornal americano Washington Post, a presidente Dilma Rousseff defendeu o ajuste fiscal e a adoção de medidas necessárias, por mais duras que sejam, para a retomada do crescimento. Disse que o ajuste fiscal é "essencial" e que a austeridade não é uma política de Joaquim Levy, titular da Fazenda, mas do governo.
"Estamos absolutamente certos de que é essencial colocar em prática as medidas, não importa quão duras elas sejam, para retomar as condições de crescimento", afirmou Dilma.
Apesar de defender a necessidade das medidas "duras", a presidente ressaltou que o ajuste "não é um fim em si mesmo". Dilma repetiu que o objetivo é a retomada do crescimento.

Sobre sua expectativa para a visita aos Estados Unidos, que começa no sábado, 27, Dilma falou que pretende compartilhar com o presidente Barack Obama projetos na agenda de mudança climática, ciência, tecnologia e inovação. Outro objetivo da presidente, segundo ela, é uma maior cooperação na área da educação.

Quando falou dos esforços do governo para evitar que a crise gerasse desemprego, a presidente foi questionada sobre se, no primeiro mandato, achava que o Estado era capaz de dar conta de tudo na economia. Ela respondeu que não. "O Brasil tem um setor privado muito forte. Nós não queríamos que o setor privado enfrentasse recessão", disse a presidente.

Questionada sobre as denúncias de corrupção na Petrobras, Dilma repetiu que não sabia dos desvios na companhia quando presidia o conselho de administração. "Você geralmente não vê a corrupção acontecendo. Isso é típico da corrupção, ela fica escondida", disse a presidente.
A Tarde

0 19:53 - 23 de Jun // Vagner Santos | Política

Os recursos que as entidade religiosas recebem como dízimos ou doações devem ser declarados à Receita Federal, segundo um projeto de iniciativa popular que está na Comissão de Direitos Humanos do Senado. A sugestão já recebeu mais de 20 mil assinaturas de apoio da população, o suficiente para obrigar a Casa a decidir se vai virar ou não um projeto de lei.

O Senado divulgou a informação nesta terça-feira (23). No dia anterior, a presidente Dilma Rousseff (PT) sancionou, junto à Medida Provisória que aumenta a tributação sobre produtos importados, uma emenda que concede privilégios fiscais a pastores.

Embora a presidenta Dilma Rousseff tenha ratificado na segunda-feira 22 uma medida provisória (668) aprovada pela Câmara que perdoa as multas de 200 milhões de reais aplicadas pela Receita Federal a igrejas evangélicas, o Senado terá a missão de discutir em breve o fim da isenção de impostos a qualquer templo religioso, como é permitido por lei. Segundo dados da Receita Federal, as entidades religiosas arrecadaram 20 bilhões de reais só em 2011.

1 18:47 - 23 de Jun // Djalma Macedo | Política
O vereador por Varzedo, Nengo do Braga, entrou em contato com o programa Andaiá Urgente para pedir providências em relação ao fechamento do posto de saúde que serve a comunidade ao longo de todo o período de festas juninas naquela cidade. " Não era nada demais deixar de plantão um médico para atender aos pacientes durante os três dias, ainda mais que é quando a gente sabe que podem acontecer acidentes", comentou.
O edil afirmou que chegou a fazer uma solicitação verbal na tribuna da Câmara ao prefeito Radaman para que o gestor mantivesse um profissional da área médica de prontidão para para não deixar a comunidade desprotegida.
Ainda conforme Nengo, os postos de saúde em Varzedo devem permanecer fechados até o dia seis de julho, após o encerramento de todas as festividades.
Celso Rommel / Blog do Valente
0 15:25 - 22 de Jun // Djalma Macedo | Política
O líder do prefeito Humberto Leite na Câmara Municipal de Veradores, Chico de Dega, está exultando com o sucesso dos primeiros dias do São João de Santo Antônio de Jesus. Para ele, o evento é 'uma festa onde quem ganha é o povo, com a geração de emprego e renda vinda do aumento do movimento no comércio local".
Em contato com a Rádio Recôncavo, ele também comentou a respeito de um leve desconforto quer teve com o vereador Délcio Mascarenhas, por ocasião de um discurso do presidente da Câmara, Luiz do Alto, sendo este a todo instante aparteado pelo colega, ex presidente do Legislativo municipal. Em dado instante,Chico de Dega chegou a mandar o edil "calar a boca".
" Ele tem o direito de solicitar ao presidente o espaço mas, como ele já tinha feito isso, solicitei que ele ficasse em silêncio. Como não o fez, tomei atitude", disse.
Ainda conforme Chico de Dega, as supostas ofensas dirigidas por Délcio na ocasião contra a sua pessoa foram registradas na ata da sessão.
Celso Rommel / Blog do Valente
 
 
 
 
 
 
 
 
 
1 09:59 - 22 de Jun // Djalma Macedo | Política
A conversa de bastidores é sobre um possível rompimento do deputado Rogériop Andrade com o prefeito Hubmerto Leite. O que tem alimentado essas conversas? Representantes do prefeito dizem que se trata de um boato, mas vejamos:
Humberto e Rogério não andam juntos. Quando se encontram, tiram fotos juntos mas quando termina a sessão de fotos cada qual vai para o seu canto como observei no Camarote Vila Music.
Temos procurado o deputado Rogério Andrade para entrevistas mas ele tem se negado porque sabe que será questionado sobre o seu relacionamento com o prefeito.
Em uma entrevista ao Blog do Valente, afirmou : "Sei o que vocês querem ouvir e no momento certo irei falar".
Na mais recente entrevista dele, concedida ao colega Juracy Santos, da Rádio Recôncavo, ele mandou um recado ao seu grupo político dizendo que "para alguém brilhar não precisaria ofuscar o brilho dos outros".
Outro ponto que ele tem revelado a amigos é quanto a pesquisas, quando afirma que pesquisas o apontariam como o candidato com menor nível de rejeição em uma provável candidatura a prefeito.
Se o deputado estivesse bem com o prefeito, já teria vindo a público negar os boatos. Não haveria motivo para que ele seguisse evitando falar com a imprensa.
Uma outra situação a ser colocada é quanto aos cargos. Como o deputado hoje tem grande força com o Governo do Estado, ele deverá indicar, por exemplo, o substituto de Clóvis Ezequiel para o Núcleo Regional de Educação, antiga Direc.  Nos bastidores ele teria comentado que não deverá ouvir o prefeito nesse e em outros cargos porque na montagem da sua secretaria municipal o prefeito não ouviu Rogerio para indicar nomes.
Sabe-se também que o deputado tem procurado bastante o pessoal do PT  nos bastidores, principalmente o vereador Uberdan Cardoso. Em Amargosa tem costurado uma boa relação com o PT daquela cidade, talvez pensando em retribuição em Santo Antônio . 
A cúpula do PT em Salvador diz que a preferência em Santo Antônio de Jesus é por Humberto Leite. Porém, se Rogério anunciar sua candidatura, pode ser que o Governo do Estado tenha dois palanques aqui na cidade mais uma vez. Bom os dois podem não estar brigados, mas nota-se que não estão unidos. 
Léo Valente
 
0 15:09 - 19 de Jun // Djalma Macedo | Política
A secretária de Administração do Município de Santo Antônio de Jesus, Luciene Cardoso, participou do programa Andaiá Urgente, em oportunidade que comentou
a respeito das recentes polêmicas geradas pelo aconselhamento do Ministério Público pela diminuição nos valores de cachês pagos a artistas que se apresentarão na festa, recomendando inclusive o não pagamento de segundas parcelas de contratos com bandas e empresas terceirizadas.
" Isso para a gente não é surpresa. Todo os anos são abertos esses inquéritos. O que está acontecendo em Santo Antônio de Jesus na verdade acontece em todos os municípios da Bahia", disse.
Ainda conforme a secretária, o poder público municipal estaria fornecendo todo apoio à investigação do Ministério Público para que todo o processo possa acontecer dentro da lisura. "
"O que o Ministério Público está fazendo está dentro da normalidade, inclusive contando com o nosso pedido para que aconteça o mais rápidamente possível", afirmou.
Celso Rommel / Blog do Valente
0 15:06 - 19 de Jun // Djalma Macedo | Política
O vereador e líder do governo Humberto Leite na Câmara Municipal de Santo Antônio de Jesus, Chico de Dega, a Despeito da polêmica gerada pelas investigações sobre altos cachês no São João 2015 do município, comentou a respeito das qualidades da festa, em entrevista ao programa Andaiá Urgente.
" O palco que está sendo montado na cidade é coisa de primeiro mundo. Nossa cidade tá muito arrumada e acho que vai competir com o primeiro São João do Brasil, inclusive ajudando a incentivar as vendas no nosso comércio, quando o dinheiro gasto para a organização da festa vai retornar aos cofres do município em impostos", afirmou.
Ainda na entrevista, o vereador frisou que a festa tem firmado a capital do recôncavo como um ponto turístico no interior da Bahia, mesmo sem possuir recursos naturais para tanto: " Aqui não tem praia, nem outra fonte natural de atratividade turística mas o São João tem feito muita gente até alugar casas, surgindo ainda como uma fonte geradora de emprego e renda", apontou.
Celso Rommel / Blog do Valente
0 22:53 - 18 de Jun // Vagner Santos | Política

Há mais de 20 anos filiada ao PSDB, a senadora Lúcia Vânia (GO) comunicou em plenário, nesta quarta-feira (17), sua saída do partido. Entre seus correligionários, fala-se em uma migração para o PSB, mas seu novo partido ainda não foi confirmado.

A senadora, em seu discurso, fez um histórico de sua gestão e lembrou feitos como a implantação da Lei Orgânica de Assistência Social, a Loas, e a criação do benefício continuado para idosos e pessoas com deficiência. Ela atribuiu sua saída do partido principalmente ao discurso de ódio presente na legenda.

0 23:20 - 16 de Jun // Vagner Santos | Política

O Plenário da Câmara dos Deputados rejeitou, nesta terça-feira (16) a emenda apresentada pela bancada feminina à reforma política (PEC 182/07, do Senado) que garantia um percentual de vagas no Legislativo para as mulheres. Foram apenas 293 votos a favor do texto, mas o mínimo necessário é de 308. Houve 101 votos contrários e 53 abstenções.

O texto previa uma espécie de reserva de vagas para as mulheres nas próximas três legislaturas. Na primeira delas, de 10% do total de cadeiras na Câmara dos Deputados, nas assembleias legislativas estaduais, nas câmaras de vereadores e na Câmara Legislativa do Distrito Federal. Na segunda legislatura, o percentual subiria para 12% e, na terceira, para 15%.

0 15:49 - 14 de Jun // Vagner Santos | Política

O fenômeno emblemático representa a descrença da população brasileira em relação aos partidos. O ano de 2015 caminha para ser o pior dos últimos 20 anos para as filiações partidárias. Tradicionalmente, os anos que antecedem as eleições municipais são os que mais estimulam o ingresso de cidadãos nos partidos, mas nos primeiros 100 dias deste ano, indicam as estatísticas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), apenas 77 mil pessoas assinaram fichas de filiação nos partidos.

O número indica um ritmo cerca de três vezes três menor do que em 2011, que fechou com 1,9 milhão de filiações. Na atual circunstância, 2015 teria apenas 620 novos filiados.

0 11:34 - 13 de Jun // Djalma Macedo | Política
O deputado Rogério Andrade, em entrevista à rádio Recôncavo, falou da política local e a sua atuação em Santo Antônio de Jesus expressando opiniões que podem dar margem a interpretações variadas.
O deputado agradeceu pela acolhida da comunidade local e o expressivo número de votos obtidos que garantiram a sua eleição, afirmando que deverá participar do processo eleitoral do ano que vem, embora sem confirmar a qual cargo concorreria. "Eu já tive oportunidade algumas vezes de conversar com o grupo político o qual pertenço sobre esse assunto. O que eles pedem é que a história não se repita, que eu não volte a contribuir com um projeto e depois comece a aparecer alguém querendo tirar proveito da situação estimulando a discórdia e o desentendimento", disse.
Rogério ainda lançou um recado, em tom de desabafo. " Espero que as pessoas do grupo a que eu pertenço tenham a capacidade de entender que a gente para brilhar não precisa ofuscar os outros".
Celso Rommel / Blog do Valente
0 23:22 - 11 de Jun // Vagner Santos | Política

O projeto de lei que tenta transformar a chamada “cristofobia” em crime hediondo deve tramitar em regime de urgência na Câmara. Foi o que declarou nesta quinta-feira (11) o próprio presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), depois de mais uma rodada de votações sobre reforma política. Entenda-se por cristofobia, de acordo com quem utiliza o termo, uma espécie de aversão a preceitos e práticas cristãos, em que eventuais detratores dispensariam a religiosos o mesmo tratamento – a “homofobia” – dado a homossexuais por parte dos chamados homofóbicos.

De autoria do líder do PSD na Câmara, deputado Rogério Rosso (DF), a matéria aumenta a pena de ultraje a culto para até oito anos de prisão. Hoje, a pena para esse tipo de crime varia de um mês a até um ano de cadeia, como estipula o artigo 208 do Código Penal. “Se tiver a urgência dos líderes, eu ponho para votar”, disse Cunha nesta quinta-feira (11), referindo-se à tramitação do projeto.

A proposta foi apresentada em resposta às manifestações da Parada do Orgulho Gay realizada em São Paulo, no último domingo (7). Durante os protestos, a atriz Viviany Beleboni, de 26 anos, transexual e espírita, desfilou presa a uma cruz encenando o sofrimento de Jesus Cristo. Na extremidade superior da cruz, uma frase de protesto: “Basta de homofobia LGBT”. O gesto foi entendido como uma provocação contra católicos e evangélicos.

0 23:24 - 09 de Jun // Vagner Santos | Política

"É mentira que detenho um apartamento em Paris. Nem lá nem em qualquer outro lugar fora do Brasil (...). Estranho que agora o assunto reapareça. Justamente num momento que Lula e sua turma mergulham na corrupção que promoveram no país", escreve o ex-presidente no Facebook, sobre a notícia de que teria um imóvel na Avenue Foch, na capital francesa; com a mensagem, Fernando Henrique sugere que o boato tenha sido espalhado por petistas, que querem "macular a todos para tentar espalhar sua própria fama"; "Sinto que a cada manifestação política minha, defendendo os ideais democráticos e a ética republicana, mais os blogs pagos pelo lulopetismo inventam mentiras para me atacar. Quanto mais espalharem bobagens na rede, mais me motivarei para mudar o rumo da política no Brasil", acrescentou.

0 22:07 - 07 de Jun // Vagner Santos | Política

Enquanto a equipe econômica da presidente Dilma Rousseff pedia aval do Congresso ao pacote fiscal, uma isenção tributária a igrejas foi incluída na surdina em uma MP (medida provisória) aprovada no fim de maio.

O benefício pode garantir a anulação de autuações fiscais que extrapolam R$ 300 milhões. Segundo a Folha apurou, o texto foi incorporado por intermédio do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que é evangélico.

O artigo foi incluído na MP 668, que tratava originalmente do aumento de impostos sobre produtos importados. Para vigorar, precisa ainda passar pela sanção de Dilma.

0 23:54 - 04 de Jun // Vagner Santos | Política

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal, estipulou um prazo de 48 horas, contados a partir desta quarta-feira, 3, para que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) apresente informações referentes à manobra que resultou na aprovação em plenário da proposta de constitucionalização do financiamento de campanhas eleitorais por pessoas jurídicas. Cunha não é obrigado a se manifestar.

A emenda em questão foi aprovada no último dia 27 com o mesmo texto de uma proposta rejeitada pelo plenário da Câmara no dia anterior. A decisão da ministra ocorre no âmbito do mandado de segurança protocolado no Supremo por um grupo de 63 deputados de seis partidos no último sábado, do qual ela é relatora.

0 17:12 - 04 de Jun // Fonte: Bocão News | Bahia

O prefeito de Santo Amaro, Ricardo Machado (PT), pegou ar ao responder a denúncia de que R$ 21 mil havia sido “mamado” em um processo de compra de leite especial para uma criança com intolerância à lactose na cidade localizada no Recôncavo baiano. Na Câmara Municipal, segundo informações da coluna Tempo Presente, do jornal A Tarde, o vereador Justino dos Santos (PSD) protocolou um ofício pedindo a investigação da compra do alimento por um montante de R$ 23 mil, mas que a mãe da criança alegava ter recebido apenas R$ 2 mil em doação.

“Esse vereador é maldoso, perverso e outra coisa: é burro. O processo de licitação foi feito por ordem judicial, o Ministério Público nos obrigou a dar o leite, até porque a prefeitura não tem que dar leite a ninguém. Mas fomos lá e constatamos a necessidade que a mãe tinha e resolvemos comprar. Só que o valor licitado realmente era de R$ 23 mil, a criança começou a tomar uma semana, duas, e pouco depois veio a falecer. Então a compra foi suspensa. Se o vereador tivesse pedido a nota fiscal antes, saberia falar com propriedade sobre o assunto”, esclareceu Ricardo Machado em entrevista ao Bocão News.

 

“[O vereador Justino] já fez umas cem denúncias, fui lá as cem vezes e provei que todas eram mentiras”, disse o petista inconformado.

0 16:57 - 04 de Jun // Fonte: Bahia Notícias | Bahia

A Coordenadoria da Polícia Civil de Valença informou que o inquérito policial que investiga o suposto estupro do vereador Valdomiro Galdino (PT) contra uma adolescente de 14 anos, em Mutuípe, deve ser concluído até o final da próxima semana. Após a conclusão, o inquérito será enviado para apreciação do Ministério Público, que decidirá pela oferta da denúncia ou não.

O Ministério Público, por meio de sua assessoria de imprensa, disse que ainda faltava o depoimento da vítima e do vereador ‘Dinoite’, como é conhecido na cidade. Galdino, de 59 anos, é apontado por abuso sexual a uma adolescente quando ela ainda tinha 13 anos; recentemente, ambos tiveram um bebê e atualmente vivem juntos, com os pais da menina.

A legislação brasileira (Lei nº 12.015/2009) indica que conjunção carnal e prática de ato libidinoso com menor de 14 anos são consideradas estupro de vulnerável. Caso o crime seja comprovado, o vereador Valdomiro Galdino pode ser expulso do PT.

De acordo com o presidente estadual da sigla, Everaldo Anunciação, a prática é própria do partido, que expulsa “toda pessoa envolvida em qualquer processo criminoso”. “Não tinha conhecimento, senão já teríamos demonstrado nossa indignação. Agora vamos aguardar todo o processo da investigação policial”, disse Everaldo, que considera “um absurdo” a relação do vereador com a menina.

0 23:00 - 03 de Jun // Vagner Santos | Política

Diante do futuro indefinido de seu partido, o DEM, após ver frustrada a fusão com o PTB, o prefeito de Salvador, ACM Neto, agora está interessado na possibilidade de junção entre PPS e PSB. Conforme publicação do jornal Tribuna da Bahia, o movimento faz parte da estratégia do ainda democrata para garantir suas candidaturas à reeleição em 2016 e ao governo do Estado em 2018.

As outras opções possíveis seriam migrar para o PMDB ou permanecer onde está, no Democratas.

O presidente nacional do PPS, Roberto Freire, afirmou ter conhecimento de uma possível ida do prefeito de Salvador para o partido resultante da fusão com o PSB, mas evitou entrar em detalhes.

0 17:02 - 03 de Jun // Fonte: Política Livre | Política

Revelado pelo colunista Lauro Jardim, da Radar Online/Veja, o estado depressivo do ex-deputado federal Luiz Argolo (suspenso do Solidariedade) parece ter se aprofundado. Além de chorar constantemente, como relatou Jardim, o baiano teria passado a manifestar o desejo de se matar. O quadro teria se agravado tanto que a família do ex-deputado mudou-se integralmente para o Paraná a fim de dar-lhe suporte. Argolo está preso desde abril no presídio estadual de Curitiba sob a acusação de envolvimento com o esquema de desvio de verbas da Petrobras descoberto na Operação Lava Jato. Antes da prisão, segundo políticos, dizia duvidar de que pudesse ser importunado pela polícia dadas as conexões que mantém com gente poderosa no Estado.

0 14:52 - 03 de Jun // Fonte: Bahia Notícias | Política

O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, em prisão domiciliar desde outubro do ano passado, prestou depoimento na terça-feira (2) à Justiça Eleitoral, no Rio, em processo movido pelo PSDB que apura se houve repasse de recursos desviados da estatal em forma de doações oficiais à campanha de reeleição da presidente Dilma Rousseff, em 2014. Costa reiterou as informações dadas em sua delação à Operação Lava Jato, sobre um repasse à campanha presidencial do PT de 2010, mas disse não ter conhecimento de pagamentos em 2014 já que deixou a Petrobras em 2012. Costa já havia relatado o suposto pagamento de R$ 2 milhões à campanha de Dilma, em 2010. Segundo ele, o repasse foi feito a pedido do doleiro Alberto Youssef, que nega a afirmação do ex-diretor. Para integrantes da Corregedoria-Geral da Justiça Eleitoral, o depoimento desta terça não trouxe fatos concretos que possam fazer a investigação avançar em relação a 2014. A Ação de Investigação Judicial Eleitoral movida pelo PSDB foi aberta em 18 de dezembro, dia da diplomação de Dilma. O processo questiona a coligação da presidente por "abuso do poder econômico e político" e por "obtenção de recursos de forma ilícita". Noronha quer esclarecer com as testemunhas se Costa e Youssef repassaram propinas aos partidos e à campanha à reeleição de Dilma.

0 12:00 - 02 de Jun // Fonte: Metro 1 | Brasil

A regulamentação da PEC das Domésticas foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (2). A matéria foi sancionada pela presidente Dilma Rousseff na segunda-feira (1º), mais de dois anos depois da promulgação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC). Sete dos novos direitos adquiridos em 2013 foram regulamentados. Dois pontos foram vetados pela presidente: um que nega aos vigilantes sistema de contagem de horas dos domésticos e outro que proíbe a demissão por justa causa quando viola a intimidade do empregador doméstico ou de sua família.

A regulamentação incluiu o adicional noturno (de 22h às 5h), com acréscimo de 20% sobre o valor da hora diurna; obrigatoriedade do recolhimento do FGTS por parte do empregador; seguro-desemprego (pago durante no máximo três meses); salário-família (pago pela Previdência Social); auxílio-creche e pré-escola; seguro contra acidentes de trabalho; e indenização em caso de despedida sem justa causa.

0 08:03 - 02 de Jun // Djalma Macedo | Política

O prefeito de Salvador, ACM Neto, esteve novamente visitando Santo Antônio de Jesus, em oportunidade que afirmou que deverá estar participando dos festejos de São João na capital do recôncavo.  No contato com a reportagem do Blog do Valente, ele se posicionou a respeito das propostas que estão sendo articuladas para a reforma política. " Sou a favor de se acabar com a reeleição, instituindo mandato de cinco anos.  Espero que possamos ter mudanças já para a campanha eleitoral do ano que vem", disse.

Liderança do Democratas e considerado uma das grandes lideranças da oposição na Bahia, ACM Neto não poupou críticas ao segundo mandato da presidente Dilma Rousseff. "Os efeitos estão sendo vistos no dia a dia das pessoas. Quem paga conta de luz e de água sabe o que estou dizendo".   O prefeito da capital baiana também afirmou que não defende o impeachment da presidente: " Este não é o tema em pauta no momento mas que o PT pague o preço duro dos desacertos que cometeu", afirmou.

No âmbito da política baiana, ACM Neto comentou do desalinho de alguns deputados da bancada de situação com o governo do estado, notadamente as recentes declarações do deputado Alan Sanches( PMDB ), sobre o qual circula nos bastidores a informação de que estaria descontente e até com vistas a deixar a sua legenda.
" É um deputado que tem muito voto, trabalhador, uma liderança importante. Eu lamento que o governo não esteja reconhecendo a força política e a representatividade dele. No momento em que o deputado Alan quiser conversar conosco estaremos abertos porque admiro e reconheço o trabalho que ele tem desempenhado", comentou.

Celso Rommel / Blog do Valente

0 18:00 - 01 de Jun // Fonte: Bahia Notícias | Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), reafirmou a intenção de votar a proposta de emenda à Constituição que reduz a maioridade penal (PEC 171/93) no Plenário tãologo a comissão especial analise o texto. A estimativa é que o grupo conclua o trabalho depois do dia 15. No domingo (31), Cunha disse em seu Twitter que deve votar a proposta até o final de junho. "O PT não quer a redução da maioridade e acha que todos têm de concordar com eles. Defendo, inclusive, e vou sugerir ao relator que se faça um referendo sobre a redução da maioridade, para que a gente faça um grande debate", escreveu o parlamentar. Cunha levantou a possibilidade de o referendo ser junto com as eleições de 2016, como sugeriu o líderou do DEM na Câmara, Mendonça Filho. "A Câmara não vai ficar refém dos que não querem que nada que os contrarie seja votado, ameaçando ir à Justiça toda vez que perdem voto", concluiu.

0 13:55 - 01 de Jun // Fonte: Metro 1 | Bahia

O ex-prefeito e atual secretário de Educação de Lauro de Freitas Marcelo Abreu (DEM) foi condenado pela Justiça Federal a ressarcir a prefeitura municipal em R$ 47.940, pagar multa de R$ 5 mil e ainda perder os direitos políticos por cinco anos. A decisão do juiz Pompeu de Sousa Brasil, da 3ª Vara, teve base em ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal por improbidade.

O pedido do MPF que demonstrou que o então prefeito firmara contrato com um artista plástico para executar o projeto “Afro Cultural”, através de convênio com a União Federal/Fundação Cultural Palmares, no valor de R$ 140 mil. Marcelo Abreu autorizou pagamentos integrais embora não tenha sido produzido todo o material pelo artista. O réu alegou que apenas assinou os cheques mediante "atestados de cumprimento" emitidos por terceiros.

“Admitir que o prefeito apenas 'assina os cheques', não se responsabilizando sobre a destinação dos recursos públicos, e sim os diversos estamentos administrativos que lhe antecedem até a concretização da despesa, tomaria impossível a condenação de qualquer dirigente do setor público, que sempre buscaria escudar-se nos atos precedentes praticados por seus subordinados. Não há qualquer razoabilidade nisso”, rebateu o juiz na decisão. Abreu também foi secretário de Serviços Públicos na gestão do ex-prefeito de Salvador João Henrique (sem partido).

0 13:37 - 01 de Jun // Fonte: Bahia Notícias | Brasil

Mesmo em ritmo mais lento por causa do feriado de Corpus Christi, na quinta-feira (4), o Senado pode avançar em temas importantes nesta semana. Um deles é o Projeto de Lei de Mediação (PLS 517/2011), que tramita em regime de urgência e segundo o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), entrará na pauta do plenário. “Nós esperamos fazer isso na próxima terça-feira (2). [A proposta] É uma ajuda fundamental para que nós possamos ter resultados além das demandas judiciais”, destacou Renan que marcou a votação a pedido do líder do PMDB, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE). Também está prevista para esta semana a votação de um plano de trabalho referente à repactuação dos tributos pagos entre União, estados e municípios, presidida pelo senador Walter Pinheiro (PT-BA). Podem ser definidos ainda os nomes que comporão a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

0 20:13 - 31 de Mai // Vagner Santos | Política

Luciana, que é deputada federal pelo estado de Pernambuco, foi eleita presidenta nacional pela maioria dos votos da direção do Comitê Central.

“O rico legado deixado pelo presidente Renato Rabelo e o clima de confiança e responsabilidade coletiva demonstrado nos debates dão ao Comitê Central a segurança de saudar e ratificar tal decisão, que por muitos méritos é histórica para o PCdoB”, afirma a resolução do Comitê Central, que também aprovou o nome de Walter Sorrentino como vice-presidente.

Muito aplaudida pelo plenário, em seu primeiro discurso como presidenta nacional do PCdoB, Luciana Santos destacou: “Somente o socialismo é capaz de sustentar a soberania da Nação e a valorização do trabalho, no esforço comum de edificação de um país soberano, democrático, solidário… Apenas o socialismo é capaz de se contrapor aos valores inspirados pelo capitalismo. Neste momento em que a disseminação do ódio, da intolerância e de preconceitos das mais diversas origens se manifesta com vigor na nossa sociedade é preciso termos claro que só o socialismo é capaz de fazer contraposição ao individualismo e a todas as mazelas atreladas à lógica do lucro e da busca desenfreada pelo capital”.

0 17:45 - 31 de Mai // Fonte: Metro 1 | Bahia

O ex-deputado federal baiano Luiz Argôlo (SD) não se contém em lágrimas na carceragem do Complexo Médico Penal de Pinhais, no Paraná, para onde foi transferido esta semana. A informação é da coluna Radar Online da Revista Veja. De acordo com a publicação, o ex-deputado André Vargas pediu atendimento psiquiátrico. Já o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto se recusa a comer com frequência.

Os três e o ex-deputado Pedro Corrêa foram transferidos no dia 26, após ficarem detidos na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, juntamente com outros presos da Operação Lava Jato. Argôlo é acusado de participação no esquema ilegal, por supostamente receber propinas do doleiro Alberto Youssef.

0 11:30 - 31 de Mai // Fonte: Bahia Notícias | Brasil

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse neste domingo (31) em sua conta no Twitter que vai pôr em votação, agora em junho, uma proposta de emenda constitucional que reduz a maioridade penal de 18 anos para 16 anos. Cunha ainda escreveu que defende que o resultado da votação sobre a maioridade pena seja colocado em uma consulta popular, com proposta até de ser junto com as eleições de 2016. “A PEC 171/93 reduz a maioridade penal de 18 anos para 16 anos. A proposta teve a admissibilidade aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania no mês passado, em meio a discussões e protestos (…) A comissão especial da redução da maioridade penal deve concluir seu trabalho até dia 15 de junho e levaremos imediatamente ao plenário”, escreveu. O presidente da Câmara ainda alfinetou o Partido dos Trabalhadores. “O PT não quer a redução da maioridade e acha que todos têm de concordar com eles”.

0 11:16 - 31 de Mai // Fonte: Metro 1 | Bahia

O ministro da Defesa, Jaques Wagner, reconheceu durante a etapa baiana do 5º Congresso Nacional do PT, que acontece em Salvador, que o Partido dos Trabalhadores (PT) errou em não aprovar a reforma política em 2002. Wagner aproveitou a oportunidade para conclamar os petistas a seguirem como o profeta Moisés, que não se intimidou com as dificuldades e vagou pelo deserto por 40 anos, segundo a Bíblia. "Fizemos um equívoco político de não termos assumido, em 2002, com o governo do Brasil e a liderança que a gente tinha, não termos desmontado a máquina de fazer política equivocada vigente no Brasil", disse durante o evento.

Segundo o ex-governador da Bahia, cabe ao PT e os demais partidos de esquerda no Senado modificarem o "crime" aprovado no Congresso Nacional. "Com todo respeito aos deputados que votaram, mas aquilo que foi aprovado não é uma reforma política, é um arremedo", afirmou ao A TARDE.

0 09:14 - 31 de Mai // Fonte: Política Livro | Brasil

Depois de emagrecer 15 quilos com a dieta Ravena, a presidente Dilma Rousseff resolveu pedalar para manter a forma. Nada a ver com as polêmicas “pedaladas fiscais”. Na manhã deste sábado (30) ela deu uma volta de bicicleta durante meia hora nos arredores do Palácio da Alvorada, sua residência oficial.De calça legging preta, camiseta branca, jaqueta esportiva preta tênis branco e capacete, a presidente deixou o Alvorada por volta das 9 horas e pedalou sem ser reconhecida entre os carros. Ela estava acompanhada por dois seguranças em bicicletas e por um carro que acompanhava de longe.A presidente foi flagrada pedalando sorridente por profissionais TV Record de Brasília.Em entrevista concedida em viagem ao México nesta semana, Dilma disse que sua receita de vida saudável envolve caminhada, musculação, bicicleta e boa alimentação.Na ocasião, ela afirmou que a restrição à bebida alcoólica deixa a vida “muito ruim”, mas defendeu a moderação. “Como eu poderia, sendo originária do nosso País, defender que não se pode tomar uma caipirinha? Faz parte da saúde também, a alegria”, afirmou a presidente.

0 17:31 - 30 de Mai // Fonte: Bocão News | Bahia

O prefeito de Nazaré, Milton Rabelo de Almeida Júnior, o Miltinho (PTN), está sendo acusado de improbidade administrativa por práticas de nepotismo. O Bocão News teve acesso a um documento enviado ao Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), no qual consta a denúncia de que o gestor teria favorecido a sua irmã Ana Luzia de Almeida Caldas, que também é secretária de Educação no município, ao alugar uma casa que seria utilizada para o funcionamento de uma escola, através de empresa pertencente à secretária, à mãe do prefeito, e a seu cunhado.

A denúncia foi realizada pelo ex-vereador de Nazaré, Ailton Figueiredo Souza Júnior, e afirma que a contratação da empresa, pela prefeitura, fere o Decreto nº 7230/2010, que veda a contratação de qualquer empresa por um órgão público, sem passar por um processo licitatório. De acordo com o documento, a admissão foi realizada em 2014, sendo paga por uma quantia de R$ 44 mil, divididos em onze parcelas. Ou seja, um aluguel de onze meses do imóvel, no valor de R$ 4 mil por mês.

O documento ainda destaca que “é de conhecimento público que o município possui outros imóveis aptos a servirem para esta finalidade, sendo que o denunciado [o prefeito], apenas contratou junto à empresa da irmã, da mãe, e do cunhado, com evidente objetivo de beneficia-los”, e que, o prefeito não estaria respeitando o princípio da economicidade, além de que o preço pago seria muito superior ao valor de mercado, considerando as características do imóvel e as circunstâncias da cidade.

A declaração enviada ao TCM ainda afirma que a prática do nepotismo é comum na gestão do prefeito, e que Miltinho já estaria respondendo a denúncias semelhantes, nas quais o tribunal já proferiu decisões determinando o encerramento das contratações irregulares, mas que o gestor insistiria em executá-las.

Ao final do documento, o ex-vereador pede que o TCM rejeite as contas municipais, alegando que as irregularidades ferem a Lei de Responsabilidade Fiscal diante dos fatos expostos, enquanto pede que o prefeito seja responsabilizado pelo crime de improbidade administrativa.

0 17:25 - 30 de Mai // Fonte: Bahia Notícias | Brasil

Sessenta e três deputados federais de seis partidos vão recorrer à Justiça contra a votação da Câmara que aprovou a doação de empresas a partidos políticos nas campanhas eleitorais. A aprovação desse ponto nesta semana, durante a análise da reforma política pelo Plenário, se deu em meio a protestos. PCdoB, PT, Psol e PSB consideravam a discussão sobre financiamento empresarial encerrada. Esses partidos argumentaram que o Plenário já havia rejeitado na sessão anterior uma emenda sobre o tema. O PMDB, por sua vez, argumentou que eram textos diferentes, já que a primeira análise tratou da doação de empresas a candidatos, e não apenas a partidos. Deputados do PPS e do Pros se somaram à ação que vai contestar a validade da votação. O deputado Chico Alencar (Psol-RJ) informou à Agência Câmara que os parlamentares entregaram procuração a advogados da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para levar a iniciativa adiante. "Para entrar com mandado de segurança contra a votação – a nosso ver, ilegal, ilegítima e antirregimental. Além do mérito, questionamos o método também. Essa ação na Justiça vai correr agora pela nulidade daquela votação", disse. Na ação, os parlamentares vão argumentar que, pela Constituição, o Plenário precisa aguardar o prazo de um ano para votar novamente uma matéria rejeitada. O presidente nacional da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, informou que o assunto será remetido à análise da Comissão de Estudos Constitucionais, a fim de procurar eventuais inconstitucionalidades materiais ou formais nos procedimentos de votação. Ele afirmou que o processo legislativo é elencado na Constituição e não pode ser "burlado ou adaptado". Em nota, o Colégio de Presidentes das Seccionais da OAB manifestou preocupação com a "aparente violação do devido processo legislativo" durante a votação do financiamento de campanhas eleitorais por empresas.

0 13:50 - 30 de Mai // Fonte: Bahia Notícias | Política

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou a aliados que só deve se candidatar em 2018 se a avaliação da presidente Dilma Rousseff melhorar, permitindo que ele possa defender um legado junto aos eleitores. A informação foi apurada pelo jornal Folha de S. Paulo, após ouvir amigos de Lula que conversaram com ele antes de seu último encontro com a presidente Dilma Rousseff, ocorrido em Brasília na última semana. Como exemplo, o petista citou o caso da derrota sofrida pelo ex-governador Leonel Brizola (1922-2004) nas eleições de 1994, que ficou em quinto lugar, abaixo de Eneás Carneiro, do nanico Prona, após, nas palavras de Lula, ser “Deus” nas eleições de 1989.

0 11:02 - 30 de Mai // Fonte: Metro 1 | Bahia

Uma lista divulgada pelo site Congresso em Foco revela que políticos baianos recebem aposentadoria do Legislativo depois de contribuir por apenas oito anos. Apesar do respaldo legal, a lista mostra um privilégio que deixa a classe política ainda mais longe do cidadão comum, que precisa trabalhar por décadas para garantir um benefício previdenciário.

Em todo o país, são 250 políticos na folha de pagamento do antigo Instituto de Previdência dos Congressistas (IPC), que já custou R$ 2 bilhões aos cofres públicos mesmo após sua extinção, em 1999. Entre os baianos, o ex-senador Ruy Bacelar e o ex-deputado Leur Lomanto ganham a maior quantia: R$ 26.740,34. O ex-senador Lomanto Júnior e o ex-deputado Luiz Viana Neto recebem benefício acima dos R$ 20 mil.

A relação traz ainda beneficiários que seguem em atividade política, como os deputados José Carlos Aleluia (DEM) e Benito Gama (PTB), do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), dos ex-deputados Jairo Carneiro (PP) e Domingos Leonelli (PSB). As informações foram baseadas nos portais de Transparência da Câmara e Senado. Confira a lista completa de baianos:

R$ 26.740,34 - Ruy Bacelar e Leur Lomanto

R$ 22.148,57 - Lomanto Júnior e João Carlos Tourinho

R$ 21.000,62 - Luiz Viana Neto

R$ 18.704,74 - Afrísio Vieira Lima

0 10:13 - 30 de Mai // Fonte: MSN | Brasil

Que deputado não gostaria de ganhar repercussão nacional? Uma das grandes dificuldades de parlamentares hoje é adquirir espaço na mídia e se tornar mais conhecido pela sociedade em meio à grande competição por cargos políticos.

De qualquer forma, temos certeza de que ninguém no mundo gostaria de ganhar o infeliz rótulo do deputado João Rodrigues (PSD-SC), pego por reportagem do SBT assistindo a um vídeo pornográfico durante a sessão sobre a reforma política na Câmara realizada na última quarta-feira (27).

Para além do episódio dessa semana, aproveitamos a ocasião para introduzir ao leitor o parlamentar e como tem sido sua atuação no campo da política nacional. Natural Chapecó (SC) e radialista da Rádio Centro-Oeste de Pinhalzinho por doze anos, João Rodrigues, 48, tem mais filiações partidárias do que mandatos em Brasília.

O parlamentar, que nasceu no PFL e migrou para o DEM com o fim da primeira sigla, está em sua segunda legislatura na Câmara, desta vez, pelo PSD. Em 2014, foi o segundo deputado mais votado em seu estado, com 221.409 votos - pouco mais de 8 mil a menos que o primeiro colocado.

Em seu estado, já foi vice-prefeito de Pinhalzinho entre 1997 e 2000, quando no ano seguinte assumiu como prefeito do município, posto que ocupou por dois anos. Ainda pelo PFL, foi deputado estadual catarinense entre 2002 e 2004 e prefeito de sua cidade nos seis anos seguintes, sendo os dois últimos como filiado do DEM.

Como deputado federal, ainda é um tradicional membro do conhecido "baixo clero" - grupo composto pela maioria de parlamentares sem grande expressão na casa - e tem se envolvido em assuntos relacionados ao meio empresarial, sobretudo na área do agronegócio, e segurança pública através da polêmica questão do comércio de armas e redução da maioridade penal, tema defendido por ele desde que desembarcou na capital federal. Na avaliação do Diap (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar), Rodrigues é um dos 139 deputados eleitos que compõem a bancada ruralista.

0 07:44 - 30 de Mai // Fonte: Correio | Brasil

Em evento do PCdoB na noite da sexta-feira (29), na capital paulista, a presidenta Dilma Roussef disse que o governo está em um momento difícil, de grande desafio. Ela lembrou que, desde a eclosão da crise financeira de 2008, o governo federal adotou todas as medidas anticíclicas possíveis, como fortalecer e ampliar políticas sociais e o crédito, a fim de proteger o consumo, o investimento das empresas, o emprego e a renda dos trabalhadores. “Agora nós chegamos no limite de nossa capacidade anticíclica”, destacou.

“Não estamos fazendo mudança na estratégia, estamos alterando a tática”, disse ao garantir a continuidade dos programas sociais e que não vai sucatear a infraestrutura do país. Segundo a presidenta, não há como adiar um ajuste fiscal. O país não pode continuar com o mesmo padrão e há necessidade de um reequilíbrio fiscal.

Segundo Dilma, o objetivo é encurtar ao máximo as restrições mais pesadas e dividir os sacrifícios da forma mais justa possível, mas que a retomada do crescimento exige esforços de todos. Ela ressaltou a importância da reforma política e do fim do financiamento empresarial nas campanhas eleitorais.

Sobre a Operação Lava Jato, a presidenta afirmou que o Brasil deve continuar a combater a corrupção e a impunidade e que o governo tem atuado junto ao Ministério Público federal, sem impor a presença de um “engavetador geral da República”.

Dilma também falou sobre o projeto que reduz a maioridade penal e destacou que “há um conservadorismo muito perigoso da sociedade brasileira”. Segundo a presidenta, a medida que propõe a redição da maioridade penal é “gravíssima” e defendeu outro modelo: “Somos a favor de penalizar o adulto que usa crianças como escudo legal”.

0 21:45 - 29 de Mai // Vagner Santos | Política

Em mais uma noite tensa de votação, a Câmara dos Deputados aprovou, por ampla maioria, a inclusão na Constituição Federal da possibilidade de doações de empresas a partidos políticos. O resultado foi uma reviravolta em relação à noite anterior, quando a Casa rejeitou as doações diretas aos candidatos. Na mesma noite, os deputados também aprovaram outra importante mudança: o fim da reeleição para cargos executivos.

Ambas as propostas de alteração da Constituição aprovadas hoje precisam ser votadas mais uma vez na Câmara e duas no Senado Federal para passar a valer.

O resultado desta quarta-feira representa uma vitória para Eduardo Cunha, presidente da casa, que ontem teve duas propostas rejeitadas na votação da Reforma Política.

0 17:55 - 29 de Mai // Fonte: Bahia Notícias | Brasil

O ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) cantou e chorou ao celebrar seu casamento nesta sexta-feira (29) em Três Rios, interior do Rio de Janeiro. Jefferson foi libertado da cadeia há 13 dias para cumprir o restante da pena em casa. O ex-parlamentar foi autor da denúncia ao jornal Folha de S. Paulo sobre a existência do mensalão e foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a sete anos de prisão, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. "Ela sofreu ao meu lado as mais duras penas da minha vida. Nunca chorou, nunca se lastimou. Enfrentou com serenidade a CPI do Mensalão, a minha cassação na Câmara dos Deputados, o julgamento e a prisão", disse Jefferson, em prantos, sobre a dedicação da noiva Ana Lúcia Novaes, de acordo com o Valor Econômico. "Minha Ana, você desperta em mim os instintos mais deliciosamente primitivos", declarou posteriormente. Em agosto de 2005, o petebista disse algo semelhante ao ex-ministro José Dirceu, no Conselho de Ética da Câmara: "Vossa Excelência desperta em mim os instintos mais primitivos". Por falar nisso, Jefferson fez piada com seu embate contra Dirceu, a quem acusou de comandar o suborno de parlamentares em troca de apoio ao governo Lula. O ex-parlamentar aproveitou o momento para cantar "Fascinação", gravada por Elis Regina, e "Dio, como ti amo", cantada por Gigliola Cinquetti. A festa foi feita para 300 convidados, mas poucos foram políticos - o deputado federal Benito Gama (PTB-BA) e o deputado estadual Campos Machado (PTB-SP) foram um dos presentes. Amigos disseram que a festa custou cerca de R$ 100 mil, mas Jefferson não quis confirmar o valor. "Amor não tem preço", pontuou.

0 13:53 - 29 de Mai // Fonte: Bahia Notícias | Bahia

Os prefeitos baianos que foram a Brasília para a 18º Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios voltaram a reclamar do comprometimento das contas públicas em relação às exigências da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). A flexibilização da lei foi tema de seminário na Câmara dos Deputados nesta quinta-feira (28). Segundo o deputado baiano Roberto Britto (PP), relator do Projeto de Lei que quer excluir da base de cálculo do índice de pessoal os recursos destinados à saúde, os programas federais são “verdadeiros Cavalo de Troia”, pelo impacto causado nas contas municipais. Britto, que já foi prefeito de Jequié e presidente da UPB entre 2000 e 2002, convocou a participação dos gestores para aprovação da proposta, por entender que a Casa é “movida à pressão”. Atualmente, os municípios são obrigados pela LRF a não comprometer mais de 54% da receita com pagamento de salários. Na Marcha, os gestores também criticaram o fato de terem que custear programas como Samu, Saúde da Família, Cras entre outros, que impactam na folha das cidades.




Colunistas


Classificados